Acessórios: o plus que faltava ao visual

Acessórios: o plus que faltava ao visual

A moda dos acessórios tem invadido cada vez mais o mercado. São centenas de tipos de colares, correntes, anéis, pulseiras, braceletes, brincos pequenos ou compridos, cintos, óculos. Comece a reparar, dificilmente e, isso se aplica em 99,9% das mulheres, sai de casa sem pelo menos um acessório para completar o visual. Nem que seja um relógio ou um mini brinco, as mulheres adoram acessórios. Tem aquelas que gostam mais e as que gostam menos, mas impossível não fazer uso deste item indispensável na composição de um look sofisticado.

E o desafio é justamente esse, em meio a um mundo de opções e variedades as mulheres não só acabam comprando diferentes acessórios como tendem a cometer erros na hora de se vestir, usando acessórios com designs diferentes e que não combinam em um mesmo look. Lembre-se, na dúvida, o menos sempre é mais.

Estilos de Anéis

Os anéis são acessórios que nem todas as mulheres gostam, mas se tiver a rotina de usar recorde-se sempre da ocasião. No local de trabalho, não só quando se fala em anéis, mas quaisquer acessórios, use sempre coisas menos extravagantes. No caso de anel pode ser um de brilhante. Em outras ocasiões pode usar pedrarias maiores, ou algum outro que fale mais sobre seu estilo, como um anel de caveira ou coruja, por exemplo. O importante é compor no seu look itens que falem mais sobre a sua personalidade.

Colares e braceletes

Acessórios: o plus que faltava ao visual

No caso de colares a regra é a mesma, correntinhas são mais adequadas para o local de trabalho ou colares de pérola, clássicos e requintados. Já nos outros lugares pode usar colares mais compridos, uma gargantilha ou um maxi colar. Fica lindo. Quanto às pulseiras a escolha é livre, basta ver o que melhor combina com sua roupa. Uma dica é substituir pulseiras por braceletes que viraram tendência. Pode ser um metalizado, um de couro, um étnico, um de plástico, o que importa é estar à vontade com o acessório.

Relógios

Relógios são um item não só úteis, mas de charme no visual da mulher. Escolha o tamanho do relógio de acordo com seu gosto e proporção do seu braço. Por exemplo, para mulheres de braço fino, um relógio gigante não é a melhor opção e vice-versa. Tenha bom senso. A cor prata, dourado ou outra qualquer vai depender do gosto e cor da sua pele. As mulheres de peles mais quentes podem ficar com o dourado e as de pele mais fria com a cor prata. A mesma dica serve para os outros acessórios.


Por dentro dos “padrões” da moda

Estamos em um momento em que fazer diferente é mais valorizado do que o tradicional. É claro que o clássico sempre tem vez no mundo da moda, mas a mistura de conceitos vem se tornando cada vez mais recorrente. A mistura de padrões diferentes é uma delas. Primeiramente, para os que não sabem, padrão na linguagem da moda é uma uniformidade estilística como xadrez, listras verticais ou horizontais, figuras geométricas, flores, estampas tropicais, estampas étnicas, tribal, de bicho e por aí vai.

Estampas florais com listras

Assim, a mistura de dois ou mais padrões vem se tornando frequente entre mulheres mais ousadas. Apesar dessa ousadia ser muito bem vinda, é preciso ter cuidado para não transformar o look em uma fantasia carnavalesca ou brega. Para isso, a dica primordial é misturar padrões diferentes a vontade apenas com o cuidado de não misturar cores muito diferente. Procure pelas mesmas cores em padrões diferentes para compor o visual, assim não terá um visual muito carregado. Veja algumas dicas certas de misturas:

Look 1: Estampas florais com listras

Antes, essa mistura nem passava pelas nossas cabeças, mas hoje em dia é completamente fashion. Tente misturar uma camisa floral com uma calça listrada ou o contrário, uma calça estampada com uma blusa listrada também fica um charme, depende única e exclusivamente da sua personalidade. Apenas tome cuidado para que as listras não a engordem, prefira listras verticais caso seja mais cheinha e horizontais caso seja muito magra. Estampas também tendem a aumentar o volume, portanto, tome cuidado com a escolha. Use o seu amigo espelho sempre como aliado.

Look 2: Padrões geométricos

A dica é combinar peças de formatos geométricos diferentes ou um vestido que possua várias formas misturadas e coloridas. Dá um efeito totalmente diferente e sensação de profundidade. Por exemplo uma camisa com motivos quadrados com um calça de bolinhas ou vice-versa.

Look 3: Roupas lisas com estampas

Um look que não tem erro para os receosos em fazer extravagâncias é misturar estampas com peças lisas. Pode ser uma estampa floral e colorida com uma peça lisa azul, por exemplo. Também é legal usar uma estampa de bicho (onça, leopardo, zebra) com um item liso branco ou preto.

Look 4: Roupas étnicas com camisa

Misture roupas étnicas, pode ser uma saia nesse estilo com uma camisa de tecido nobre de seda. Dá um toque alegre, pois são coloridas e envolventes e é um ótimo look para usar durante o dia.


O biquíni ideal para a mulher ideal

O biquíni ideal para a mulher ideal

Neste Verão é importante estar atenta às novas tendências de biquínis e aqueles que melhor se adéquam a cada corpo. Essa estação é a mais esperada pelas mulheres que, exaustivamente se preparam o ano todo em academias ou realizando esportes para manter ou obter o corpo sarado tão desejado. As exigências delas são enormes e, dificilmente o resultado obtido corresponde àquele almejado.

O biquíni ideal para a mulher ideal

Porém, como já estamos em pleno verão, não há tempo mais a perder e, por isso existem algumas dicas imprescindíveis que podem ajudar a valorizar ainda mais o corpo da mulher ou disfarçar os defeitos indesejáveis. Veja abaixo o biquíni ideal para cada tipo de corpo e faça uma escolha livre de erros.

Violão: A mulher chamada de violão ou ampulheta é aquela que possui curvas bem delineadas, não é gorda, mas tem um corpo chamativo e exuberante. Tem a liberdade de escolher o biquíni que quiser.

Oval: Tem as formas do corpo não muito bem definidas, por isso deve evitar alguns modelos como o cortininha que deixam os seios sem sustentação, o meia-taça só se tiver alças mais largas, o cavado, fio dental, lacinho e cintura baixa, pois deixam os quadris ainda mais largos. Uma boa opção são o sunquíni e frente única, pois dão mais sustentação ao abdômen e seio. Uma dica é usar a parte de cima com bojo, pois este corpo tem seios pequenos e o bojo pode ajudar a dar uma impressão de seio avantajado.

Retângulo: Pode usar cortinha, cavado, meia taça, cintura baixa, fio dental, lacinho e modelos com bojo. Evite sunquíni, pois ajuda a diminuir os quadris e o objetivo é justamente o contrário, ajudar a aumentar. Evite frente única e tomara que caia, pois diminui ainda mais a largura dos ombros. Ou seja, use tudo que dê uma avantajada no visual.

Triângulo invertido: este corpo tem ombros, quadris e cintura estreitos. Por isso, pode usar o cortinha, cavado, frente única, cintura baixa, fio dental, com bojo e lacinho. Todos os outros evite, porque farão com que o corpo fique ainda mais estreito.

Pera: este corpo não tem problemas com seios, mas possui quadris muitos largos. Usar a parte de cima cortinha, meia taça ou bojo pode ser uma boa opção para aumentar o busto e equilibrar o quadril largo. Esqueça todos os outros. Para a parte de baixo apenas fica bom o modelo sunquíni que por ser mais largo disfarça o quadril grande.